01 de maio de 2018

Jefão Meira é eleito secretário de relações de trabalho da Contraf/CUT em SP

"...É  preciso ter união e respeitar as divergências de todos nós. É assim que se constrói uma esquerda forte...", disse Jefão Meira.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) realizou na quinta-feira (26/4), na Quadra do Sindicato dos Bancários de São Paulo, no Centro da capital paulista, uma cerimônia para empossar sua nova diretoria, eleita no 5º Congresso da entidade. A nova diretoria da Contraf-CUT estará à frente das ações nacionais da categoria até 2022.

 

Todas as forças que atuam no movimento sindical bancário representadas na chapa eleita no 5º Congresso e outras que também fazem parte do Comando Nacional dos Bancários prestigiaram a cerimônia de posse, compuseram a mesa de abertura e se prenunciaram. O destaque para a necessidade da unidade dos trabalhadores em defesa dos direitos e da democracia foi unânime. Também foi ressaltada a capacidade da chapa eleita para cumprir sua tarefa de defesa dos interesses da categoria.

 

A união é palavra de ordem do momento, segundo Jeferson Meira (Jefão), representante do EnFrente e eleito secretário de Relações do Trabalho da Contraf-CUT. “Nada mais emblemático e necessário que dizer: trabalhadores de todo o mundo, uni-vos. É  preciso ter união e respeitar as divergências de todos nós. É assim que se constrói uma esquerda forte. Precisamos construir urgente um diálogo com a nossa base, não podemos construir uma frente de esquerda sem a nossa base. Esse diálogo tem que ser estreito. O mote é: ir à base. A base é a base de tudo”, disse.

 

Fonte: Contraf-CUT